sábado, 20 de agosto de 2011

QUANDO O HOMEM SONHA – A MAN HAS DREAMS – GOOGLELAND VERSUS DISNEY 1

“The empires of the future are the empires of mind.”

“Os impérios do futuro são os impérios da mente.”

Sir Winston Churchill

Dias atrás eu fazia minha caminhada matinal quando me deparei com um carro da Google Earth mapeando a vizinhança. Quando voltei e peguei o computador, li que a Google compraria a Motorola Dois fatos isolados que dizem muito, se associados. O Google Earth trouxe a realidade das ruas do mundo inteiro para dentro das casas e uma possível compra da Motorola distribui todos os tipos de serviço para onde o usuário estiver. Hoje faz parte do cotidiano o vôo imediato para qualquer ponto do planeta, pois está tudo sendo registrado em 360 graus. Um dia isto se fará ao vivo, online, estabelecendo uma nova definição ao verbo viajar. Entrar num museu, num teatro, em qualquer lugar público será possível desde que se pague... Ou se gaste a moeda da Internet, a atenção, o acesso.

Days ago I was doing my morning walk when I saw a Google Earth car mapping my neighborhood. Just when I returned and turned on my computer, I read Google would buy Motorola Two isolated facts that mean a lot when associated. Google Earth brought the reality of the streets all over the world to out living rooms and the possibility of purchasing Motorola will distribute all kinds of service wherever the user is. It’s part of out routine the immediate flight to any point of the planet, because everything is being registered in 360 degrees. Someday this will be done live, online, establishing a new definition to the verb to travel. Getting into a museum, a theater, or any public building will be possible for a reasonable price... Or spending the Internet currency, a attention, the access.


Isto nos sugere que esta guerra de mentes invadirá o mundo real dos negócios. Quem explorou este blog já entendeu que tenho veneração pelos parques temáticos; menos pela adrenalina dos brinquedos do que pela fantástica direção de arte dos imagineers. Sem entrar muito no exame dos problemas econômicos que sacodem o mundo e que tendem a piorar, é verdade que alguns países como o Brasil logrou equilibrar suas riquezas com uma distribuição razoável de renda. Como nosso país, outros emergem para um cenário antes reservado para oito grandes economias, proeminentes na segunda metade do século XX.

This suggests the war for the minds will soon invade biz world. If you explored this blog you understand I venerate theme parks; less from the adrenalin the rides provide than the fantastic art direction by the imagineers. Without pretending to study economic problems that shake the world and tend to get worse, it is true some countries like Brazil attained to balance wealth with a reasonable distribution of income. Like our country, others emerge to a scenario previously reserved to eight great economies, preeminent during the second half of XXth Century.


Então haverá uma luta para capturar esta classe media emergente que não pode gastar dinheiro viajando, mas gastará tempo na frente de uma tela de computador. Ao vivo versus virtual. Quem vencerá? Ambos. Examinemos.

So there’ll be a struggle to capture the emerging medium class that can’t spend money travelling but time in front a computer screen. Live versus virtual. Who’s going to win? Both. We’ll see why.

seja o primeiro a comentar!