quinta-feira, 22 de setembro de 2011

QUANDO O HOMEM SONHA – A MAN HAS DREAMS – NANOTECNOLOGIA

“Nanotechnology will let us build computers that are incredibly powerful. We'll have more power in the volume of a sugar cube than exists in the entire world today.”

“A nanotecnologia nos permitirá produzir computadores extremamente poderosos. Teremos mais poder no espaço de um cubo de açúcar de tudo o que existe no mundo hoje.”

Ralph Merkle

Predição poderosa esta, não? Ela não só dá asas para nossas esperanças, como vai muito além. A primeira coisa que nos ocorre é um nano computador ligado diretamente ao nosso cérebro. Adeus, problemas de memória! Alô, todo o conhecimento do mundo! Até o amadurecimento necessário para lidar com tanto poder pode ser gerado por este assombroso aparelho, que estará apenas disponível para os governos das grandes potências. Reis e presidentes serão todos programados à prova de erros.

A powerful prediction this is, right? It not only provides wings to our hopes, but zooms beyond. The first thing on my mind is a nano-computer directly linked to human brain. Bye, memory problems! Hello, all knowledge in the world! Even the necessary maturing to deal with such power may be generated by this amazing machine that will be only available to governments of leading countries. Kings and presidents shall be them all fool-proof programmed.


Isto, naturalmente, vai separar a sociedade em dois grupos distintos: os que mandam e os rebeldes. Mas, o que se pode fazer contra quem prevê todas as reações das pessoas?

This will, naturally, divide society in two groups: those who dictate and the rebels. But what can be done against someone who’s able to predict every people’s move?


Por outro lado, todos os problemas da humanidade estarão a cargo desta elite de “iluminados”. Como o processo mental se auto-alimenta, as soluções para os problemas que nos afligem estarão todos equacionados: o aquecimento global, a elevação dos oceanos, o controle de furacões e terremotos, o fim de todas as doenças e do envelhecimento, o fim da superpopulação, a dissolução do capitalismo através da ditadura do desejo.

On other hand, all problems of Humanity shall be handled by this élite of “enlightened”. As long as the mental process auto-feeds, the solutions for all major problems will be solved: global heating, the rise of the level of oceans, the control of hurricanes and earthquakes, the end of all diseases and aging, the end of overpopulation, the melting of capitalism through the dictatorship of desire.



Continue lendo...

terça-feira, 20 de setembro de 2011

QUANDO O HOMEM SONHA – A MAN HAS DREAMS – SCANNERS

“Fine arts and pizza delivery; what we do falls neatly in between!”

“Belas artes e entrega de pizza: nós preenchemos este intervalo.”

David Letterman

O espírito humano já sentiu que tendemos para associar o mundo virtual à realidade. De fato, já produzimos uma imagem em três dimensões, visualizamos em realidade aumentada ou na tela de um computador e até podemos criar uma cópia tridimensional física de qualquer objeto.

Human spirit detected we tend to associate the virtual things to reality. In fact, we are able to produce an image in three dimensions, visualize it in augmented reality or in the screen of a computer and even create a tridimensional touchable copy of any object.




Hum... Figuras de plástico, certo? E se o próximo scanner 3-D conseguir manobrar qualquer matéria, associando átomos e mesmo partículas subatômicas? Já vimos em Nanotecnologia que isto será possível. Onde está este artigo? Bem ali do lado, à direita, nos marcadores, subtítulo Quando o Homem Sonha.

Hmm... Plastic figures, right? What if the next 3-D scanner will be able to handle any matter, associating atoms and even subatomic particles? We’ve seen under Nanotecnologia this will be possible. And where can I find this? Look at your right, the bookmark, subtitled Quando o Homem Sonha (A Man Has Dreams).


Bem, ninguém quer uma pizza entregue assim. Mas os erros serão logo corrigidos, e então comprar e vender serão facilitados, estejam onde o comprador ou o vendedor estiverem. Objetos maiores poderão ser teletransportados para uma central que substituirá os serviços postais.

Let’s face it: no one wants a pizza delivered like this. But mistakes shall be easily corrected, then buy and sell will be fast and secure, wherever the buyer or the seller may be. Larger objects will be teleported to a central facility that will substitute postal offices.


Estas previsões me levam a imaginar a obsolescência das instituições, bem como os países. Ou então, a criação de um poderoso governo central mundial (dê uma olhada em Orwell, por favor) para manter a segurança da indústria e do comércio. Adeus doenças e fome; alô viagens virtual diretamente no sofá da sala. Eu nem me atrevo a olhar adiante, a não ser que… Algum pesquisador do futuro leia este blog e tenha a idéia estúpida de me trazer de volta à vida escaneando a minha espiral de DNA.

These predictions lead us to think not only some institutions are fated to obsolescence, but countries as well. Or then, the rise of a powerful central government (check Orwell, please) to keep peaceful industry and commerce. No more diseases, no more hunger; hello virtual travels on your own couch. I dare not to look further, unless… Some researcher in the future may read this blog and have the stupid idea of bringing me into life through scanning my DNA spiral.


Continue lendo...

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

QUANDO O HOMEM SONHA – A MAN HAS DREAMS – CONSCIÊNCIA

“Every wall is a door.”

“Todo muro é uma porta.”

Ralph Waldo Emerson

O que é a consciência? Ela independe do corpo humano para existir? De onde viemos e para onde vamos? O autor tem suas próprias convicções e não tem a menor vocação para se tornar um guru. A experiências pessoais mais do que me convenceram das respostas às questões acima, mas pretendo antever o que a Ciência pode realizar, se lhe for permitido entrar neste território cheio de truques e de areias movediças.

What is conscience? Can it exist without a human body? Where did we come from and where are we going to? The author has his own convictions and no vocation to become your guru. My personal experiences convinced me of the many answers to the above questions, but my aim is to foresee what Science can perform, when/if it is allowed to invade this territory full of traps and quick sands.



Portanto, vamos começar aqui: sim, a mente sobrevive à morte e ocupamos uma diversidade de corpos neste e em outros planetas. Se isto o incomoda demais, não se perturbe: é só procurar alguma coisa mais interessante dentro das suas convicções. Eu não me sinto prisioneiro de nenhum livro religioso e respeito quem crê de modo diferente. Se você é curioso, vale a pena ir até o final, pois a minha hipótese pode surpreendê-lo.

So, let’s start here: yes, mind survives death and we dwell a diversity of bodies in this planet and even others. If this bothers you, the way out is easy: just search something more interesting according to your convictions. I’m not a prisoner of any religious book and e respect who believes the other way around. But if you’re curious, go till the end of this article, because it may surprise you.





Quer mais um link com a Ciência? OK. Veja o que pesquisou o Dr Brian Weiss:

Oh, you want another link with Science? OK. See about the research by Dr Brian Weiss:




Os cientistas não deveriam ter as limitações dos religiosos, mas muitos chegaram à velhice (medo da morte?) abraçando a fé que lhes garantissem a sobrevivência da consciência. Einstein, por exemplo. Será que os transcomunicadores conseguiram fotografá-lo do outro lado?

Scientists shouldn’t be allowed to the limitations of religion, but some got old (fear of death?) embracing the faith their conscience would survive. Einstein, for instance. Maybe transcommunicators captured his after-death image?


Então, que tal um transplante de consciência? Digamos que a velhice ou uma doença esteja levando uma pessoa à morte. Será possível num futuro não tão remoto dormir num corpo e acordar em outro, jovem e saudável. Nem todos os roteiristas de Hollywood poderiam imaginar as conseqüências de uma troca de identidade tão radical. Mas vai acontecer.

Then, how about a transplant of conscience? Suppose old age or illness is driving someone to death. It will be possible in a not-so-remote future to sleep in a body and wake up in another, young and healthy. Not all the movie writers in Hollywood can tell the consequences of such identity change. But it’s sure to happen.

Continue lendo...

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

QUANDO O HOMEM SONHA – A MAN HAS DREAMS – ULTIMATE VIDEOGAME

“Sorry. I’m dead.”

“Desculpe. Eu estou morto.”

Boss 2 (Monster Party)

Por que o usuário perde uma considerável parte da sua vida diante de um vídeo game em vez de encarar a realidade? A resposta é simples: no mundo virtual você é vitorioso. Lá nos primeiros anos da década de 70, eu vi o interesse do público se acotovelando diante de uma tela. A novidade? O jogo Pong, ainda em fase de comercialização. Uma raquete de um lado, uma do outro em movimentos verticais no esforço de impedir que um quadradinho simulando uma bola passasse sem a devida raquetada. Pronto, eu pensei, acabou a televisão.


Why does the user lose a considerable part of his life in front of a videogame instead of facing reality? The answer is simple: in virtual world you are victorious. Back in the beginning of the 70’s, I witnessed the interest of the people elbowing each other in front of a monitor. What was new? A game named Pong, still in the first steps of commercialization. A pad on the left, another on the right in vertical movements trying to avoid a little square simulating a ball would pass without being hit. That’s it, I thought, television is over.


www.youtube.com/watch?v=LPkUvfL8T1I  


O tempo voava nesta década maluca. Eu comprava tudo o que a Atari lançava, desde o joguinho até os primeiros computadores. Eu até arrisquei meu Basic para programar uns joguinhos primitivos. Adeus máquina de escrever e o líquido para corrigir os erros! Uma nova era estava nascendo bem ali na minha frente.


Time flew in this loony decade. I bought everything Atari released, from the game console to the first computers. I even ventured using Basic to produce my first primitive games. Goodbye typewriters and the troubles of correcting text! A new era was born right in front of my eyes.


www.youtube.com/watch?v=KMP8OSWGcss  


Não demorou para que eu me interessasse pelos jogos de aventura.


It didn’t take long: I soon would be interested in Adventure games.


www.youtube.com/watch?v=vPi_GDbFGXE&feature=fvst  


www.youtube.com/watch?v=65FnSLcRjQI  


www.youtube.com/watch?v=KPykHcgWONA  


www.youtube.com/watch?v=Blet5zjDjAE  


www.youtube.com/watch?v=OteQOZgKad8  


Em quarenta anos o traço representando o herói em Adventure se transformou num filme em alta definição no clássico God of War. Hoje a indústria de jogos movimenta mais dinheiro do que a cinematográfica. E o que o dia depois de manhã nos reserva? O capacete 3-D e a luva cibernética já podem ser comprados.


40 years were enough to transform the trace representing the hero in Adventure into a high definition movie in the classic God of War. The industry of games amounts more than the movie business. But what the day after tomorrow promises? The 3-D helmet and the cyber glove are available.


www.youtube.com/watch?v=DnzZYFnxwPg


www.youtube.com/watch?v=M_wK25clf1s


www.youtube.com/watch?v=Qbb4ykvUI2w&feature=fvsr  


Agora junte tudo isto com a cadeira com movimentos, a técnica de hologramas e computadores da geração xilobyte. Do mesmo jeito que eu previ o fim da televisão (e falhei), creio que posso prever (e falhar) o fim da realidade.


Now add the couch with movements, the hologram technique and computers of yobibyte generation. The same way I predicted the end of television (and failed), I believe I can predict (and fail) the end of reality.


www.youtube.com/watch?v=PqhISSS5wV0  


www.youtube.com/watch?v=mzvdTJARIFA&feature=related  


Continue lendo...

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

QUANDO O HOMEM SONHA – A MAN HAS DREAMS – HOLOGRAMA

“It is true that I was born in Iowa, but I can't speak for my twin sister. ”

“Sim, eu nasci em Iowa, mas não posso responder pela minha irmã gêmea.”

Abigail van Buren

www.youtube.com/watch?v=JElhSQCKUVM  


A próxima novidade no mundo do consumo será o desenvolvimento técnico (e, portanto, accessível para o grande público) do holograma “tocável”. Certamente a hiper-solicitada indústria do sexo terá seu produto ideal. E a inteligência artificial será dispensável aqui. Absurdo? Então veja o protótipo nestes links:


The next trend in the world eager of newties will be the technical development (thus, accessible to everybody) of the “touchable” hologram. Certainly hyper-heated sex industry will have its so long expected product. And artificial intelligence shall be disposable here. Absurd? Then link to see this prototype:


http://info.abril.com.br/noticias/ciencia/japoneses-criam-holograma-tocavel-07082009-30.shl


www.youtube.com/watch?v=Y-P1zZAcPuw  


Neste conturbado 2011, o mundo está sem condições de arriscar bilhões de dólares numa pesquisa que só dará frutos nas próximas décadas. OK. Talvez as visões que propomos aqui vão demorar mais um pouco. Mas acontecerão. Vamos juntar mais uma peça ao quebra-cabeça, a capacidade humana de criar uma imagem 3-D em que se possa acreditar.


In this shaky 2011, the world has no conditions to risk billions of dollars in a research that will only the next decades. OK. Maybe the visions we propose here have to wait a little more. But they are sure to happen. Let’s add another piece to the puzzle, the human capacity to create a trustable 3-D image.


www.youtube.com/watch?v=1wK1Ixr-UmM


Então, o que temos até aqui? Uma imagem realista, qualquer uma, de qualquer tamanho, com a rapidez do Flash, que podemos tocar. Falta alguma coisa? Oh, sim. A voz.


So what do we have here? A true-to-life image, any image, any size, as fast as it can be, providing touch feelings. Som’thing missing? Oh, yes. The voice.


www.youtube.com/watch?v=LorTKDFIsxc&feature=fvst


Desculpe. Eu estava me esquecendo dos japoneses. Agora, vamos colocar nosso par de asas e formatar o futuro plausível. Já que podemos trazer à vida um meio ambiente virtual (digamos, um teatro), situado em Googleland (veja artigos anteriores), poderemos ver peças inéditas de Shakespeare (usando a lógica criativa do Bardo), interpretadas por Johnny Depp e Mary Pickford, com canções novas compostas por Gershwin e cantadas pelo Pavarotti. Haverá uma corrida aos bancos de padrões vocais, gerando uma fonte de royalties para todos na mídia (voz e aparência), fechando os grandes galpões dos estúdios e multiplicando as salas cheias de computadores da geração zeta, operados por sofisticados artistas de todas as áreas. Ei! Vamos dar um pulinho em Honolulu para ver a estréia da Sinfonia Acabada de Schubert? Ele estará presente!


Oops. I was forgetting the Japanese. Now, let’s use our pair of wings and format the plausible future. Now that we can bring to life a virtual environment (say, a theater), in Googleland (read back posts), so we can see unprecedented plays by Shakespeare (using the creative logic of the Bard), starring Johnny Depp and Mary Pickford, with new songs by Gershwin interpreted by Pavarotti. There will be a rush to the banks of vocal patterns, generating a cornucopia of royalties to everybody in the media (voice and looks), closing the big film studio lots while multiplying rooms filled with zeta generation computers, operated by sophisticated artists from all areas. Hey! Let’s travel instantly to Honolulu to see the opening of Schubert’s Finished Symphony? He’ll be conducting in person!


Continue lendo...

terça-feira, 6 de setembro de 2011

QUANDO O HOMEM SONHA – A MAN HAS DREAMS – O CRIADOR 3

“Oxalá, meu pai, tem pena de nós, tem dó.

A volta do mundo é grande; seu poder ainda é maior”

“Oxala, my father, have mercy.

The turns of the world are huge, but your power is even greater.”

Brazilian Candomblé prayer


Em 1999 o físico Brian Greene lançou o livro O Universo Elegante: Supercordas, Dimensões Ocultas, e a Busca pela Teoria Final, propondo um novo olhar sobre o Universo e, por conseguinte, o nosso Criador. Como você verá nos links abaixo, não é de simples compreensão. Mas um Ser infinito e Suas ações não cabem na caixinha que chamamos pomposamente de cérebro:

In 1999 the American theoretical physicist Brian Greene released his book The Elegant Universe: Superstrings, Hidden Dimensions, and the Quest for the Ultimate Theory, proposing a new look on the Universe and, consequently, our Creator. As you will see in the next links, it is not so simple to understand. But an infinite Being and His actions can’t fit in this little box we so proudly call as brain:







É um longo caminho até a verdade absoluta. Mas também é verdade que se faz necessário limpar o lixo do quarto dos fundos, ainda que o deixemos vazio.

It is a long way till the absolute truth. But it is also true we must clean up the garbage we are accumulating in our back room, even if we leave it empty.


Continue lendo...

domingo, 4 de setembro de 2011

QUANDO O HOMEM SONHA – A MAN HAS DREAMS – O CRIADOR 2

“I could prove God statistically.”

“Eu poderia provar a existência de Deus pelas estatísticas.”

George Gallup

Sendo Deus uma entidade ainda maior do que o Universo e o Tempo por ser da enésima potência (portanto infinita), tratou o homem de entendê-lo reduzindo o Criador à sua própria dimensão. Todos os livros religiosos, todas as mitologias, são tentativas patéticas de aprisionar o Infinito numa caixa minúscula, mas ornada segundo o que o homem considera mais precioso. No entanto, a Ciência começa a invadir este terreno durante tantos séculos reservados para os “iluminados”.

Being God an entity even greater than Universe and Time therefore belonging to an infinite power, men did their best to understand Him reducing the Creator to his own dimension. All religious books, all mythologies, are but pathetic attempts to imprison Infinite into a tiny box, but embroidered according what men consider as the most precious. However, Science begins to invade these fields so many centuries reserved to the “enlightened”.


O quê a “velha atitude” ainda nos reserva? Mais guerras de extermínio baseadas na vontade de Deus? Pois, olhando para o passado, todos os povos se sentiram eleitos pela divindade, recebendo carta branca que lhes conferiam poderes de vida ou morte e convencimento forçado ao seu ponto de vista.

What does the “old attitude” still reserves? More extermination wars based on the God’s will? Thus, looking back, all peoples felt chosen by divinity, receiving carte blanche granting power of life or death and forced acceptance to their points of view.


No momento em que redijo (1-9-2011), o mundo passa por mudanças radicais, por revoluções nunca imaginadas, pelo renascimento do ódio radical, acolhido por partidos políticos em todas as partes do mundo. A História nos ensinou direitinho qual o resultado da insanidade em confronto com a intransigência. Tenho mesmo que lembrar?

As I write this down (9-1-2011), the world experiments radical changes, never before imagined revolutions, the rebirth of radical hate, hidden by political parties around the globe. History taught us too well the result of insanity in confrontation with intransigence. Do I really have to remind these?







Atenção: o autor não apóia nenhum dos clipes postados acima. São apenas o testemunho inquietante de um furacão que se aproxima.

Disclaimer: the author does not support any of these clips posted above. They’re just the troubling witnesses of an approaching hurricane.

Continuaremos – To be continued.

Continue lendo...